VENHA NOS CONHECER!

Tudo no universo está em evolução. A transformação não é questão de crença, filosofia ou fé, mas trata de um fato científico. É a própria dialética da vida, que nos guia para a autotranscendência. E perceber a impermanência é a chave para criar espaço e permitir a interação criativa de possibilidades infinitas, simplesmente entregue à experiência de estar vivo!

A dinâmica evolutiva básica não é a adaptação ao meio ambiente, mas a criatividade.  Portanto somos um sistema vivo que se adapta criativamente, numa dança em progresso, co-evoluindo com outros sistemas. E para se entregar ao processo é preciso estar inteiro. E para estar inteiro é necessário se recolher para dentro e silenciar o conflito interior, integrando o seu ser. Trilhar um caminho de cura e autoconhecimento. Um caminho de liberdade e responsabilidade. É preciso escolher a "estrada menos percorrida"!

A intenção do Espaço Soma é ser um ponto de mutação na jornada das pessoas. Um ponto de troca onde a gente possa se recriar a cada respiração. Soma é o néctar da imortalidade que sublima nosso ser! Que a gente possa beber desse néctar e despertar para a Consciência Cósmica!

Namaste!

 
Convite especial para cada mulher: vamos nos sentar ao redor do fogo, como faziam nossas antepassadas, e compartilhar saberes sagrados do nosso feminino que se perderam no tempo... Informações valiosas pra nossa cura, para a reconexão com nossa mãe terra e com nossos ciclos.
  • Esse compartilhar será em forma de ritual ou cerimonia sagrada, com muitos cantos, cello, maracas e tambor, juntamente com o fogo sagrado e plantas sagradas:

 

- o que é plantar a lua?
- conexão com os ciclos lunares e como ela influência nos nossos ciclos intrauterinos
- conexão com a mãe terra
- conhecendo os 4 ciclos que as mulheres passam a cada 28 dias
- métodos anticonceptivos naturais
- a alta nocividade dos anticoncepcionais e dos absorventes descartáveis
- o elo perdido no feminino
- oferendas a Mãe Terra
- a importância do Guardião da Lua
- bússola/diagrama lunar para sabermos as 4 fases que passamos no mês e quando estamos férteis
- ritual de limpeza de útero
- ritual de sopro sagrado
- defumação com plantas sagradas
- cantos indígenas, cerimoniais e do sagrado feminino (integrantes do grupo Ayrumã)
- receitas para cura e limpeza de utero e problema menstruais e da saude feminina
- a menina, a donzela, a mãe a anciã
- condução as 4 portas da vida
 
 
"Antigamente lavávamos nossas roupas nos rios conversando com outras mulheres.
Quando entravamos na lua, entravamos todas juntas e sentávamos na terra, doando nosso sangue sagrado e tecendo sonhos com outras mulheres.

Quando tínhamos um filho no útero, ganhávamos a companhia constante de outras mulheres, compartilhando toda a arte de gerar e de dar a luz.
Tecíamos, bordávamos, plantávamos, cantávamos sempre juntas.
Criávamos nossos filhos juntas.
Entendiamos de ervas e compartilhávamos os segredos das medicinas da terra.

Quando perdemos esses hábitos nos isolamos e perdemos essa dose maravilhosa de ocitocina (hormônio do amor,fabricado também durante o parto) que fabricamos quando estamos entre mulheres.
Começamos a achar normal toda essa individualidade.
Começaram a nos rotular de fúteis, que gostamos de comprar, de cuidar da aparência, que falamos demais, que só falamos de homens.

Esquecemos a arte de parir. Começamos a achar normal cortarem nossos úteros para dar a luz.
Achamos normal também não devolver nosso sangue lunar pra terra a cada 28 dias,e usar absorventes descartáveis pra poluir nossa Mãe Terra.
E como nos desconectamos da lua e da terra, e do nosso ciclo lunar começamos a achar normal tomar pilulas bombas de hormônio, porque não conhecíamos mais nosso corpo pra saber quando estávamos férteis.
E aí trocamos as sagradas medicinas da Mãe Terra, por medicinas controladoras do nosso corpo.

Mas algo estava gritando dentro de todas nós. Algo estava faltando. 
E por isso no mundo todo essas sementinhas adormecidas voltaram a brotar. 
Mulheres e mais mulheres voltaram a olhar pro céu, por a mão na terra, sentir e honrar seu sangue, querer parir em paz.
Mulheres voltaram a querer estar com mulheres. Em volta do fogo. E em volta de seus próprios corações. 
E círculos de mulheres voltaram a acontecer no mundo todo...

Bem vindas hermanas amadas,a esse despertar!! Endorfinai-vos e Ocitocinai- vos.

Amor e Gratidão!" Anna Sazanoff

 
 
 
Qualquer dúvida ou informação, estamos a disposição!

 

Hatha Yoga - Power Yoga - Massagem Ayurvedica - Aconselhamento Nutricional - Shiatsu - Reiki - Terapia Neural - EMF Balancing Technique® - Eneagrama - Drenagem Linfática - Thai Massage - Hot Stones - Banhos de Ofurô - Shirodhara - Tarô Egípcio